De Verso em Prosa - Vamos Poetar

Conjugadas vibrações





O canto da alvorada
Refrigera os meus pensamentos
A noite bem dormida
Mais um dia que Deus me deu
Abrem-se as portas da poesia
Suscetível construção de meus versos
Todos dotados de sutileza
Influência que eu quero conotar
Destinando a quem quer que seja
Fator que me causa alegria
Razão sensata e conclusiva
Intermédio entre o óbvio e a altivez
Mesclando rimas e comparações
Complementadas por teorias
Influenciadas pelos repentes
Mote de uma afinidade adquirida
O sol como fio condutor
A lua que alimenta o romantismo
O vento que refresca a mente
Exóticas impulsões
Palavras escritas com clareza
Demonstradas e ditas
Contempladas pelas emoções. (PV)

Comentários

MENSAGEM DA SEMANA