Feira do Livro - SUCATA TECNOLÓGICA VIRA ELETRODOMÉSTICOS, LUMINÁRIAS E OUTROS INVENTOS




Mini geladeira e mini ar-condicionado, que funcionam perfeitamente. Aquecedor de papel feito de carcaça de retroprojetor, monitores que viraram abajur em led e outro que também é espelho e porta-retratos, que toca música. Todos esses inventos foram criados com sucata eletrônica que deixou de poluir o meio ambiente e ganhou utilidade pelas mãos dos alunos do curso de Informática da Escola Estadual Tecnológica Albertina Leitão, de Santa Izabel, no nordeste paraense, que participaram nesta segunda-feira, 29, da Feira Pan-Amazônica do Livro.

    O trabalho dos estudantes esteve em exposição no estande da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e atraiu muitos curiosos, que não se contentavam em apenas em olhar, queriam abrir a geladeira e colocar a mão dentro para sentir a temperatura, como a professora de História, Mara Silva. “Muito interessante o trabalho dos alunos. Fiquei imaginando o que poderia gelar ai dentro, e me lembrei que cabe direitinho uma lata de refrigerante”, disse.

    Com cinquenta centímetros de altura por 60 centímetros de largura a geladeira e os demais inventos dos estudantes tiveram um custo geral de R$ 100,00. A professora   da Escola Albertina Leitão, coordenadora do projeto “Acessibilidade computacional e tecnologia assertiva: Reciclagem tecnológica e ideias renováveis, disse que o trabalho envolveu seis alunos, que se dedicaram durante vários meses ao desenvolvimento do projeto. “O trabalho iniciou no dia 18 de março na mostra interna de robótica e eles continuaram a desenvolver o trabalho para apresentar na Feira do Livro”, disse.

    Os alunos que desenvolveram os protótipos são Denise Martins, Fagner Rayol, Célio Moraes, Anderson Alcântara, Cleonilson Trindade e Daniel Tavares. “Exercitar o experimento é sensacional. Utilizamos isopor, cooler de computadores usados de computador, pés de monitores, drives de computadores, enfim, materiais inservíveis que agora estão funcionando e despertando muita curiosidade dos visitantes”, disse.

    A Escola Técnica de Santa Isabel tem 450 alunos matriculados em quatro cursos: Secretaria de Escolas, Informática, Meio Ambiente e Agropecuária.

Texto: Kátia Aguiar
 Foto: Eunice Pinto


Serviço: XXI Feira Pan-Amazônica do Livro
Período: 26 de maio a 4 de junho de 2017
Local: Hangar – Centro de Convenções e Feiras da Amazônia
Horário: 10 às 22h
Entrada franca

Programação completa em www.feiradolivro.pa.gov.br

Comentários

MENSAGEM DA SEMANA