Quanto custa criar um filho até a maioridade no Brasil?


Criar um filho até a maioridade pode custar R$ 1,4 milhão


Você pensa em ter um filho e a primeira coisa que passa pela sua cabeça são os gastos com fraldas, leite, roupas, brinquedos. Depois, já imagina as próximas fases da vida dele e se pergunta se terá estrutura financeira para criar como se deve o seu futuro herdeiro. Mas, será que é mesmo tão caro quanto parece?
Segundo cálculos do Instituto Nacional de Vendas e Trade Marketing (Invent), criar um filho até a maioridade pode demandar dos pais o desembolso de R$ 40 mil a R$ 1,4 milhão, dependendo da classe social.
No estudo, foram considerados seis pilares principais: casa, educação, lazer, saúde, vestuário e reserva financeira. Os temas renderam subtópicos que foram preenchidos de acordo com as classes sociais e considerando as especificações de cada fase.
As principais diferenças entre as classes estão em educação, lazer e saúde, além da reserva financeira. Enquanto a classe C gasta pouco mais de R$ 86 mil com ensino, a classe A investe cinco vezes mais na área, quase R$ 455 mil.
O gasto médio por mês também muda bastante de acordo com a posição social: R$ 6.930 para classe A, R$ 3.171 (B), R$ 1.110 (C) e R$ 186 (D).

Acompanhe abaixo o custo total por fase, segundo a pesquisa.
De 0 a 3 anos
Classe A R$ 247.680
Classe B R$ 129.600
Classe C R$ 22.160
Classe D R$ 7.200

De 4 anos a 10 anos
Classe A R$ 495.784
Classe B R$ 212.700
Classe C R$ 49.280
Classe D R$ 14.400

De 11 anos a 18 anos
Classe A R$ 753.592
Classe B R$ 342.700
Classe C R$ 168.500
Classe D R$ 18.600

Custo total (0 a 18 anos)
Classe A R$ 1.497.056
Classe B R$ 685.000
Classe C R$ 239.940
Classe D R$ 40.200

Como é possível perceber, o valor de criar um filho é relativo. Só não dá para mensurar em uma planilha toda a fofura que ter um bebê traz para a vida dos pais.

Fonte: Yahoo

Comentários

MENSAGEM DA SEMANA