Adidas deixará de investir na televisão para focar em canais digitais




Enquanto estudos bradam que a internet matará a televisão a partir de um consumo sob demanda cada vez maior por parte dos consumidores, a adidas anunciou que deixará a publicidade na televisão de lado. Para buscar um público mais jovem e quadruplicar suas receitas no comércio eletrônico, a marca irá optar por focar seus investimentos em canais digitais. Uma estratégia absolutamente natural se tratando de uma gigante do mercado e que já figura constantemente na Tv (Lionel Messi, Real Madrid, Manchester United e etc).
Em entrevista à NBC, Kasper Rorsted, CEO da adidas, afirmou que “não há mais publicidade na tv” e o público-alvo no curto e médio prazo se envolverá muito mais através dos dispositivos móveis, que acaba por entregar um ativo fundamental para o seu objetivo: o engajamento.
Em números, colocando o varejo digital no centro de sua estratégia, a adidas deseja que suas receitas “online” saltem de € 1 bilhão (2016) para € 4 bilhões até 2020. Neste sentido, a marca acredita que os meios tradicionais não envolvem mais o consumidor e para o futuro ela prezará por um envolvimento muito mais estreito.
No processo de reestrutura de sua presença digital, impressão em 3D e novos métodos de fabricação dos seus produtos são parte do planejamento. Recentemente, cerca de 25 influenciadoras, entre elas, a blogueira Robin Arzon e a personal trainer Zanna van Dijk, foram contratados para impulsionar a presença da marca no mercado esportivo feminino.( mkt esportivo )

Comentários

MENSAGEM DA SEMANA